Que nunca me falte coragem para recomeçar

recomeçar compulsao alimentar lolly taste blog

Uma das perguntas que mais me fazem é como não desistir quando a frustração toma conta de nós. Como conseguir manter a cabeça levantada ou ter motivação para treinar quando o corpo parece não reagir a absolutamente nada, ou acabámos de nos entregar a uma compulsão e estamos numa fúria desmedida connosco proprias. E a verdade, é que apesar de eu tentar sempre ajudar da melhor forma que posso, eu também não sei qual é o segredo para deixar de desistir e conseguir ter um caminho recto nesta coisa da vida saudável. E não sei, porque eu própria desisti muitas vezes, de mim mesma.

Desisti de comer de forma saudável, desisti de treinar e de cuidar de mim, desisti acima de tudo de olhar para mim com olhos de respeito,  e de todas as vezes que isto aconteceu eu achei que nunca iria conseguir levantar a cabeça e seguir caminho. Foram anos a achar isto sabem? Que era fraca de mais, que nunca iria conseguir olhar para a comida de uma forma normal. Foram anos a achar que iria passar a vida em restrição alimentar para tentar colmatar todas as compulsões que andaram a par e passo na minha vida.

E vocês podem pensar que toda esta conversa se resumia a perder peso e a chegar a um corpo fit, e sim foi sempre uma das minhas motivações – ser fit e magra e estar bem na praia – mas nos últimos anos foi muito mais do que isso. Nos últimos anos era acima de tudo levantar a cabeça e deixar por exemplo, de ter medo de desfrutar da companhia dos meus amigos num qualquer lanche sem que estivesse mentalmente a pensar quantas calorias a mais estava a ingerir. Sim eu quis muito ter um corpo de revista, mas quis muito mais viver sem medo de comer.

Ora eu desisti muitas vezes.

Mais do que aquelas que posso quantificar, mas se desistir sempre foi um padrão ao longo dos anos recomeçar foi outro. E é exactamente esta a resposta que dou quando me perguntam como não desistir. Como conseguir encontrar um equilíbrio entre alimentação, treino e vida social.

Eu ainda hoje não sei como não desistir. Mas sei que de todas as vezes que desisti recomecei uma e outra vez. Acreditei que desta vez é que era. E sim, foram anos e anos a achar isto, foram anos a cair e a levantar-me para cair logo de seguida,  mas houve um dia, um único dia que deu certo e esse recomeçar foi diferente. E aquilo que aprendi com todas estas quedas, é que de todas as vezes em que decides recomeçar mostras ser mais forte do que tu pensas.

E é por isso que uma das coisas que mais agradeço é esta capacidade de recomeçar sempre que caio.

É por isso que uma das coisas que mais peço é que nunca, mas nunca me falte esta coragem de recomeçar. Porque recomeços podem ser verdadeiramente transformadores se acreditares neles.

Maio 16, 2018

RELATED POSTS

6 Comments

  1. Responder

    Catarina Vasconcelos

    Maio 21, 2018

    “…mas houve um dia, um único dia que deu certo e esse recomeçar foi diferente. E aquilo que aprendi com todas estas quedas, é que de todas as vezes em que decides recomeçar mostras ser mais forte do que tu pensas.”
    Já estou com lágrimas nos olhos. Estes últimos dias têm sido mais sensíveis, ou eu estou mais sensível. E consegui transportar esta tua mensagem para uma outra área da minha vida e reflectir sobre quantas vezes desisti de mim e de relações por medo (medo de não ser boa o suficiente para determinada pessoa, acima de tudo medo de não ser boa o suficiente para mim própria). Mas recomecei sempre. Recostruí-me e recomecei sempre. E hoje este teu texto relembrou-me disso, dessa capacidade inata e por vezes estranha que temos de nos reconstruir e de recomeçar, apesar de todas as feridas e de todos os corações partidos. Hoje estou lamechas, mas profundamente grata por ter lido este texto no momento em que mais precisava. Obrigada, meu bem <3

  2. Responder

    Carolina Sofia

    Maio 23, 2018

    Foram várias as vezes que voltei e desisti. É ótimo quando temos força de vontade para recomeçar mas sinto que a cada recomeço fica mais difícil em certos aspectos. Beijinhos 😘

  3. Responder

    Ana Leite

    Maio 23, 2018

    Concordo a 100% contigo! Como te compreendo…
    xoxo,
    Ana Rita Leite

  4. Responder

    Lara Fonseca

    Junho 1, 2018

    Revi-me em cada uma das tuas palavras. E levo comigo uma das tuas frases, que faz mais e mais sentido..
    “E é por isso que uma das coisas que mais agradeço é esta capacidade de recomeçar sempre que caio.”
    Bjs

    Lara

  5. Responder

    Catarina (Joan of July)

    Junho 7, 2018

    You go, girl! E que belo conselho. É preciso coragem para recomeçar, mesmo quando já parece que percorremos um longo caminho.
    Nas sábias palavras da grande Aaliyah:

    “And if at first you don’t succeed
    Then dust yourself off and try again”

    😀

    • Responder

      vânia duarte

      Junho 12, 2018

      “Then dust yourself off and try again” simplesmente amei <3

LEAVE A COMMENT

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.