Páginas Salteadas – Pequeno-almoço Hygge para saborear sem pressa

pequeno-almoço saudável, detox e muito hygge com crepioca e sumo verde

E nesta segunda feira do mês, chega ao blogue um delicioso pequeno-almoço para a minha participação no Páginas Salteadas deste mês.

O livro escolhido para Agosto é o famoso Hygge. Podes ver aqui a primeira receita que fiz para este projecto.

Conseguem acreditar se eu vos disser, que só li o livro agora em Agosto, justamente quando tive umas míni férias deliciosas pela costa alentejana?

Quando o hype do Hygge se deu, eu estava com uma pilha de livros para ler e decidi que só o compraria quando acabasse de ler o que tinha por casa. Para além disso ultimamente tenho comprado muitos livros em segunda mão e em excelente estado. Por isso estava à espera de encontrar O Livro do Hygge por esta via.

Mas entretanto a super estrelinha Andreia Moita emprestou-me. Eu levei-o de férias e devorei o livro em 2h30 consegues acreditar?

Uma coisa temos de concordar o livro do Hygge respira Inverno. Respira cachecóis, jogos de tabuleiro, chocolate quente e longas tardes de séries e filmes. E respira também Natal e vocês não sabem o quanto eu sou a louca do Natal. Adoro a época. Adoro as luzes. As decorações. E em Outubro começo a navegar pelo Pinterest, a encher a minha pasta de inspiração natalícia de novas imagens.

Portanto ler o Hygge nesta altura do Verão podia ter sido um desafio mas não foi. Porque quanto mais eu avançava nas páginas e no conceito Hygge, mais percebia que Hygge é acima de tudo aquilo que te traz conforto. Aquilo que te aquece a alma. Que te faz respirar profundamente e sentires-te acima de tudo em paz contigo e com quem te rodeia.

Hygge é saborear sem pressas.

Foi isto que mais retive deste livro e foi esta a premissa para a receita que escolhi para o Hygge porque se há coisa que mais me dá prazer fazer e comer sem pressas é o pequeno-almoço – se me segues no instagram sabes bem disto se não me segues podes fazê-lo aqui.

Sugestão
Bolachas de dióspiro, limão e raspas de chocolate

A verdade é que Hygge para mim combina na perfeição com a forma como eu começo o meu dia. Acordo tranquilamente, espreguiço-me, bebo a minha água com limão como as minhas amêndoas e vou treinar. E não tens noção o quanto me faz bem começar o dia a mexer, especialmente quando o faço na praia com o meu grupo de treino Outsiders Gym – se quiseres vir treinar comigo já sabes, é só dizer.

Sinto uma leveza incrível e por mais que me custe aqueles 5 minutos em que o relogio toca e eu fico a pensar se vou ou não vou, depois de lá estar agradeço não ter desistido. Porque treino, porque cuido do meu corpo, porque respiro ar puro, vejo o mar, o nascer do sol e acima de tudo, porque a seguir há um belo pequeno-almoço à minha espera.

E garanto-te que se há coisa que me motiva é o pequeno-almoço e tomá-lo sem pressas.

Tenho a sorte de trabalhar perto de casa e isto faz com que acabe por ser uma privilegiada relativamente a não apanhar trânsito. Portanto posso dedicar-me de alma e coração a esta refeição. Para além disso da minha varanda vejo o mar, ora podes perceber que comer com o mar como pano de fundo torna o começo dos meus dias muito tranquilos.

E isto para mim é o mais Hygge que posso ter na minha vida. Começar o dia a nutrir o meu corpo, a cuidar dele fisicamente com um bom treino e a dar-lhe a melhor alimentação possível.

Portanto é isto que te trago para a minha participação deste mês,  um pequeno-almoço cheio de tudo o que mais me feliz.

Eu vario muito entre panquecas, ovos mexidos ou omelete mas para hoje trago-te crepioca. Que é o tipo de pequeno-almoço que escolho quando tenho treinos mais intensos pois esta refeição tem uma boa carga de hidratos para me ajudar na recuperação. Para além disso eu não sou a maior fã de tapioca, acho-a muito seca mas quando o assunto é crepioca eu sou mesmo apaixonada.

Sugestão
Muffins deliciosos de Banana e Mirtilos

Trago-te uma deliciosa crepioca com molho de mirtilos, porque para adoçar eu prefiro sempre opções o mais naturais possíveis em vez de comprar compotas, e um sumo verde muito saboroso para te dar energia e manter-te saciada durante muito tempo.

Para acompanhares este pequeno-almoço sugiro-te esta música. Relaxa, respira fundo e come lentamente.

Afinal de contas Hygge está em qualquer lado, tu só tens é de aprender a desacelerar 🙂

crepioca e sumo verde detox para pequeno almoço saudável

Receita para pequeno-almoço Hygge

Ingredientes para a Crepioca 

  • 2 ovos
  • 50 gr de tapioca
  • 1 colher de sopa de chia

Bate bem os ovos e adiciona de seguida a tapioca, misturando tudo até ficar completamente liquido e sem grumos.

De seguida adiciona uma colher de chia. Isto é opcional mas a tapioca é um hidrato com um índice glicemico bastante alto portanto ao colocares a chia ajudas a baixar.

Unta uma frigideira com um bocadinho de óleo de coco ou azeite e coloca a mistura. Quando estiver cozinhada de um lado está na hora de virares. Deixas mais um bocadinho e voilá está pronta.

De seguida coloca num processador de alimentos alguns mirtilos com uma colher de sopa de água e tritura até ficar liquido. Podes colocar fruta a acompanhar a crepioca. Eu usei meio kiwi e coloquei a mistura de mirtilos por cima, fica D-E-L-I-C-I-O-S-O.

Ingredientes para a Sumo Verde

  • Espinafres a gosto
  • Meia Courgete
  • 1 1/2 Kiwi
  • 1 colher de sopa Proteína de Canhamo
  • raspas de coco a gosto

Coloca todos os ingredientes dentro de um processador de alimentos e adiciona um pouco de água. Se gostares podes colocar água de coco eu adoro e fica super fresquinho. Este batido não fica muito doce. Por isso se não estás muito habituada, podes substituir o kiwi pela banana ou uma rodela de ananás.

Sugestão
Muffin de banana, manteiga de amêndoa e aveia

Bate tudo. Adiciona de seguida a proteína de canhamo, para garantires uma boa dose proteica no teu batido e volta a misturar.

Por fim se gostares coloca como topping umas raspas de coco ou outra coisa que mais gostas.

Bom apetite.

Não deixes de visitar as receitas que já saíram este mês e fica atenta porque na próxima semana a Joana Clara vai fechar com chave de ouro o Hygge.

Gelados Hygge de Fruta by Andreia Moita

Bolo de Fruta Hygge by Catarina Alves de Sousa

RELATED POSTS

4 Comments

  1. Responder

    Anabela Costa

    Agosto 21, 2017

    As receitas são tão simples.. Vou ter mesmo que experimentar, ainda agora que comprei tapioca 🙂
    E os livros? Só tu, para despertar um certo interesse em ler-los 🙂
    Um Beijinho

    • Responder

      vânia duarte

      Agosto 26, 2017

      muito muito obrigada anabela, de facto crepioca é super simples de fazer, experimenta e depois diz-me se gostaste 🙂 beijinhos

  2. Responder

    Kéké

    Agosto 22, 2017

    Esses teus pequenos-almoços, meu amor, são qualquer coisa de tão bom. E essa música? Adorei.
    Acreditas que também ainda não li o Hygge? Ando há tanto tempo para o comprar…
    No entretanto, vou tentar reproduzir esse teu pequeno-almoço em casa. Nunca fiz tapioca (ou crepioca) por cá.

    Beijinho no coração
    http://www.keke.pt

    • Responder

      vânia duarte

      Agosto 26, 2017

      tens de fazer é deliciosa 🙂 e o livro do hygge é amoroso e acho que é a tua cara. um grande beijinho

LEAVE A COMMENT

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.