As 6 coisas mais cool que aprendi no Bloggers Camp 2017

encontro de bloggers em lisboa bloggers camp 2017

Lembro-me bem como me estava a sentir há uma semana atrás depois do Bloggers Camp 2017. O coração andava aos pulos lado a lado com a cabeça que não parava de borbulhar ideias. É assim que me sinto sempre que sou estimulada para fazer coisas, sejam elas de lazer ou profissionais. E vocês não sabem o quanto me gosto de sentir assim.

Sou designer digital e pagam-me para fazer coisas bonitas e funcionais para os outros. Trabalho diariamente com programas incríveis que me dão ferramentas para criar coisas maravilhosas, mas a verdade é, no que toca a trabalhar para mim eu sou a pior pessoa do mundo. Acomodo-me (ou acomodava-me porque isso agora mudou) e sempre tive uma postura de “deixa andar que um dia isso faz-se”. O que acaba por ser um contraste gigante com a minha faceta Vânia designer de outros, onde sou super focada e com um desejo incrível de criar coisas que realmente funcionem.

Mas, como vos disse, tenho tentado mudar esta minha faceta e ando a dedicar-me mais às coisas que realmente me fazem feliz e uma delas claro está, é o blogue. Começou o ano passado com a consultoria que fiz com a Catarina Costa, que vos falei aqui e que continuo a recomendar a qualquer pessoa que precise de um olhar atento e profundo ao seu blogue. Passou por ter na minha vida outra pessoa por trás do blogue, que olha para toda a parte chata de métricas, números e afins, que estipula metas mensais e a cada 6 meses e me dá na cabeça – mais vezes do que eu gostava é verdade – mas eu sofro do síndrome de designer que quer ser livre para criar e tem terror a números e coisas boring e continuou com a minha estreia no Bloggers Camp este ano.

E se o ano passado, quando a Catarina Costa me falou de networking

Eu entrei em pânico por achar que não tinha grande coisa de útil para dizer às pessoas, isso mudou e estou viciada em encontros de Bloggers. É verdade que continuo a achar, que muitas vezes não me explico muito bem e sempre que falo perante várias pessoas, sinto o coração aos pulos e as palavras a atropelarem-se muito, mas ganhei um gosto incrível não só por tudo o que tenho aprendido mas também pela comunidade incrível que se está a criar neste mundo dos blogues.

Portanto está mais que na hora de vos deixar 6 coisas super cool que aprendi no Bloggers Camp.

 

workshop marca pessoal com susana blessfoto by Joan Of July

1. Ser Blogger dá trabalho mas também dá um gozo do caraças

É isto mesmo meus amigos, ter um blogue bonito, arrumadinho, com conteúdo útil, interessante e com partilhas regulares dá muito trabalho ao contrário do que a maioria pensa. Se juntarmos a isto o facto da maioria das pessoas ter trabalhos a tempo inteiro, percebemos o porquê de muitas pessoas terem blogues mas a grande maioria desistir deles passado um tempo ou andar ali num limbo de publicar de vez em quando.

É preciso ter-se uma paixão tremenda por isto essa é que é a mais pura das verdades. É preciso sentires que isto te faz sentido, é preciso escrever com o coração e acima de tudo, é preciso quereres mesmo deixar a tua marca para conseguires arranjar tempo quando já tens uma vida daquelas que mais parecem um carrossel.

 

workshop de video com a ana marta no bloggers camp 2017foto by Margarida Pestana

2. As pessoas que estão por trás dos blogues podem ser verdadeiras surpresas

É verdade que é óptimo ler blogues. Mas é melhor ainda conhecer as pessoas que estão por trás deles. Ver-lhes a cara, sentir-lhes o sorriso e querer saber mais sobre elas. E isto é o que os encontros de bloggers fazem. Tiram-nos de trás de um ecrã e aproximam-nos, tornam acima de tudo esta coisa de ser blogger muito mais humana. E eu adoro pessoas. Adoro conversar e adoro trocar ideias. Adoro acima de tudo as sinergias que se criam entre pessoas que querem simplesmente criar.

E é por tudo isto que eu digo várias vezes que o melhor dos blogues são mesmo as pessoas que estão por trás deles ou então, eu, é que tenho tido a sorte de me cruzar com pessoas excepcionais.

 

vania duarte do blogue lolly taste e evodia graça do blogue afropolitanafoto by Raquel Dias da Silva

3. Apesar da crise dos últimos anos a blogosfera está a voltar a ser um lugar bem catita

Eu já ando nisto dos blogues há uns bons anos.
O Lolly Taste tem 7, mas antes deste tive outros 2 que duraram uns 6 meses. Por isso a minha ligação a blogues já é bem antiga. Alguns blogues que seguia tornaram-se bastante conhecidos mas acabaram por perder a sua essência. Aquela que me fazia querer lê-los de fio a pavio. E isso, aliado ao facto de ter existido uma época onde a blogosfera era cospe e cola uns dos outros fez com que eu me desmotivasse e tivesse parado durante 1 ano aqui o estaminé.

Mas nos últimos tempos tenho conhecido projectos incríveis de pessoas que querem mesmo fazer bem. De pessoas que escrevem com amor. E que ainda acreditam tal como eu que é possível ter um blogue genuíno e de sucesso sem teres de vender a alma ao diabo . Ou transformá-lo num catálogo digital de produtos.

O Bloggers Camp deu-me a conhecer blogues tão promissores que me deixou ainda com mais vontade de fazer mais e melhor pelo Lolly Taste.

 

lidia lcake e andreia moita no bloggers camp 2017foto by Joan of July

4. Não tenhas medo de ter ideias loucas, há sempre alguém que se vai encaixar nelas

O Pitch your ideia foi um dos momentos mais fantásticos para mim. Estava tudo com um medo imenso de falar. De mandar cá para fora as suas ideias. Até que começaram a surgir coisas tão boas e interessantes que o medo passou rapidamente a entusiasmo.

A distância entre ter medo de ir lá para a frente falar e ter pessoas de mão no ar a quererem abraçar as ideias que iam surgindo, ficou tão curta que de repente tínhamos pessoas super entusiasmadas com ideias alheias e a quererem colaborar de alguma forma.

Eu fiquei estupidamente feliz. Quando várias pessoas se entusiasmaram com a ideia de participarem no podcast que vou criar aqui para o blogue. E apesar de ser algo, que ainda vai demorar uns meses a ver a luz do dia.
Sem dúvida nenhuma que irá acontecer.

 

workshop revista calm no bloggers camp 2017foto by margarida pestana

5. Vais encontrar pessoas que seguem o teu trabalho e isso vai dar-te um quentinho no coração

No primeiro dia de Bloggers Camp estava sentada à mesa para almoçar com uma série de meninas e a Filipa Maia diz-me as mágicas palavras “Eu leio o teu blogue e adoro”. Ora eu, acho que devo ter tido uma reação meio duh tipo “ah a sério? obrigada” o que pode dar um ar snob apesar de eu ser tudo menos snob, mas eu tenho um grave problema que já tinha partilhado com a Catarina Costa há uns meses atrás, quando me apresentei como autora do Lolly Taste e ela me disse que sim, conhecia-me e ao blogue e esse problema é: eu acho claramente que ninguém me lê.

E não, não me estou a fazer de coitadinha falo mesmo, mesmo a sério. Até porque eu já tive esta conversa com várias pessoas. Claro que se eu for ver as estatísticas do anaytics eu sei que as pessoas visitam e leem o que escrevo. E sei que o blogue está a crescer. Mas eu acho sempre que não me vou cruzar com ninguém que me lê. Especialmente porque tenho muitos momentos em que penso que ninguém tem pachorra para ler o que escrevo. Portanto quando alguém me diz que segue o que faço por aqui e adora, eu fico sempre sem jeito. E apesar de responder coisas tontas, a verdade é que me dá força para continuar a fazer o que estou a fazer.

A Catarina Alves de Sousa escreveu neste post que a comunidade de bloggers do Bloggers Camp é a maior cheerleader que podes ter e garanto-vos que é verdade.

 

ser positiva sempre e em tudo na vida cartão do bloggers camp 2017foto by Joan of July

6. Quando errares ou te enganares em algo…be chill

Provavelmente um dos maiores ensinamentos que tenho interiorizado nos últimos meses, especialmente depois de ter assumido o ano passado que tinha falhado nesta coisa de ser saudável. Ora o erro que vos vou falar agora é mil vezes mais divertido do que ter decidido fazer uma dieta palerma e ter ficado doente o ano passado. Mas mostra na perfeição o espírito Bloggers Camp. Em que não há certos nem errados para nada. E tem tudo muito a ver com a forma como encaras as coisas.

Muito resumidamente dei por mim a tomar banho na casa de banho dos homens. Assim tranquilamente como quem está a ter um fim de semana maravilhoso. Eu vejo muito mal sem óculos, entrei para tomar banho e não reparei no boneco da porta. Comecei a despir-me quando entra um rapaz espanhol que claramente não estava à espera que eu estivesse ali e perguntou-me se aquele era o wc certo e eu estando num hostel respondi:
– Claro que sim, os wcs são partilhados – e segui tranquila para o meu duche.

Peço desculpa sim. Mas a única vez que fiquei num hostel, o quarto era totalmente ocupado por conhecidos meus. Por isso o wc era partilhado entre nós. Ora assumi que se ali partilhas quartos, cozinha e mesas de jantar também partilhas wcs.

Tomei o melhor duche da vida. Sai para me limpar quando entra outro rapaz. Desta vez português, que ficou estupidamente constrangido de eu ali estar e começou a lavar as mãos sem saber para onde olhar. Não, eu não estava nua, mas estava de toalha, toda molhada no WC DOS HOMENS. E foi exactamente aqui que me deu a luz. Porque durante o tempo que lá estive percebi que só homens entravam. Então passou-me assim pela cabeça que talvez estivesse no wc errado. O que fiz eu? Mantive a postura e a toalha enrolada óbvio, arrumei as coisinhas e passei pelo moço. Com um grande sorriso e um sonoro bom dia.

Porque na realidade, de nada me ia ajudar stressar com aquilo e provavelmente com os nervos ainda me podia cair a toalha.

Por isso assumi o espírito be chill e garanto-vos que terminei este episódio a rir descontroladamente. O que acaba por ser outra coisa boa que o Bloggers Camp me deu. Dois dias de muitas risadas, boas pessoas, trocas de experiências. Acima de tudo uma vontade gigante de voltar no próximo ano.

Espero que tenham gostado da minha listinha e preparem-se porque as publicações sobre o Bloggers Camp 2017 ainda não terminaram.

RELATED POSTS

17 Comments

  1. Responder

    Marta Chan

    Junho 14, 2017

    Deve ser geral, eu também penso sempre que ninguém lê o meu blog até que recebo emails ou até mesmo pessoas dos encontros de bloggers que me reconhecem e realmente nunca sei o que dizer a não ser aquele obrigada =)

    Hahaha essa história do wc é hilariante Vânia e o teu à vontade, atitude de diva sabes? =D

    Temos de continuar unidos nesta blogosfera, juntos vamos mais longe.

    ~*Viver a Viajar*~

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      pois eu fico sempre sem saber muito bem como expressar a minha gratidão a quem me lê 🙂 heheheh. O wc foi épico ahahhaha. beijinhos grandes

  2. Responder

    Joana Sousa

    Junho 14, 2017

    És do caraças, mulher 😀 a tua força é inspiradora e…a tua "lata" também ahahah! Gostei tanto, tanto de te conhecer, finalmente!

    Jiji

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      oh querida jiji eu também gostei mesmo mesmo muito de te conhecer, adoro o teu espírito cheio de energia e o teu sorriso contagiante a sério 🙂 um grande beijinho

  3. Responder

    Filipa M.

    Junho 14, 2017

    Que lindo, Vânia! É mesmo verdade que adoro o teu blog, é um dos meus preferidos (e o teu Instagram, já agora :P). Um Beijinho enorme e vamos com esses projetos para a frente =)

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      oh linda Filipa é mesmo verdade as tuas palavras no primeiro dia de BC não me saíram da cabeça fiquei mesmo de coração cheio acredita 🙂 e claro que quero muito que faças parte do projecto dos podcasts, mesmo mesmo <3

  4. Responder

    Raquel Dias da Silva

    Junho 14, 2017

    Vânia, sou uma sortuda por me ter cruzado contigo. Fizeste-me chorar baba e ranho com o teu Bloggers Pitch e eu acho, com todo o meu coração, que estás destinada a grandes coisas! És uma mulher incrível e apesar de só ter conhecido o teu blogue por causa do BC agora vou passar aqui a vida. Acho realmente que encontraste a tua voz e que o que aqui partilhas é interessante e útil. Obrigada 🙂

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      Oh minha pinipon deixas-me sempre sem saber o que te dizer, és pequenina de tamanho e tão grande em presença e energia 🙂 foste uma das maiores surpresas do BC e sem dúvida que agora não te irei perder o rasto 🙂

  5. Responder

    Marli Neves

    Junho 14, 2017

    AHAHAH ai Vânia a história da casa-de-banho matou-me!
    Tenho que admitir que sou como tu e que penso sempre que ninguém se dá ao trabalho de ler aquilo que eu escrevo, mas não é verdade. Pelo menos da minha parte, tens aqui alguém que te lê.
    Adorava ter ido ao Bloggers Camp mas infelizmente foi-me impossível. É para o ano!

    Giveaway de dois produtos da Oriflame! My Own Anatomy

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      ohhh Marli muito muito obrigada 🙂 eu adoro quando me dizem que me leem, fico sempre de coração cheio, mas também muito envergonhada 🙂 Tens de vir para o ano é uma experiência incrível 🙂

  6. Responder

    Inês Dionísio

    Junho 14, 2017

    Adorei este post, parabéns!

    Beijinhos,
    Inês
    http://www.indiglitz.pt

  7. Responder

    Anabela Costa

    Junho 14, 2017

    Eu adoro este tipos de encontros, aprende-se tanto! E conhecemos muitas pessoas 🙂 Eu sou um pouco como tu, quando alguém te diz "eu leio o teu blogue". Confesso que a primeira vez que tornei-o público, ou melhor comecei a partilhar com os meus amigos, estava com medo das reacções.. Ainda hoje, sinto-me constrangida, quando alguém diz, "eu vi que falaste disso no blogue". Não sou um exemplo para ninguém, apenas escrevo o que gosto e o que vem à cabeça. Porque ter um blogue não é fácil e as ideias nem sempre caiem do céu. Noto que agora estou muito mais atenta ao mundo do que antigamente.. Deve ser do facto, para dar a conhecer aos seguidores, sei lá, não sei explicar.. Não sei se também sentes isso..
    Anyways, a tua historia do WC, OMG 😀
    Beijinhos

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      os encontros de bloggers são efectivamente maravilhosos, estou viciada neles, heheheheh 🙂 Acho que o facto de teres um blogue e estares disposta a que mais pessoas o conheçam faz com que queiras também conhecer outros projectos e por isso como dizes mais atenta ao mundo 🙂 eu adoro descobrir blogues novos por isso assumo-me como super atenta a este mundo 🙂 o wc foi épico ahahha 🙂 beijinhos grandes

  8. Responder

    Andreia moita

    Junho 14, 2017

    Não é verdade que ninguém te lê, eu mesma já fiz uma das tuas receitas sem dizer nada, só tive coragem de te dizer lá no BC e notei a tua surpresa "como assim alguém fez uma das minhas receitas"! Eheh adorei conhecer a tua força de vontade e a tua energia, mesmo! Keep going mulher, vais fazer coisas grandes com esse espírito livre que tens! Bjs 🙂

    • Responder

      lollytasteblogvania

      Junho 14, 2017

      pois é querida Andreia quando me disseste que tinhas feito a receita eu fiquei mesmo "a sério, fizeste, mas como?" aahahahah lá está é a minha veia de achar que ninguém me lê 🙂 E olha também gostei mesmo, mesmo de te conhecer, tu contagias qualquer pessoa À tua volta a sério 🙂 um grande beijinho

  9. Responder

    Mariana Monteiro

    Junho 17, 2017

    Vânia, foste das maiores e mais bonitas surpresas do BC para mim 🙂
    Tens uma energia tão positiva, é tão bom ouvir-te e saber que o teu coração é tão grande! Contagias com o teu sorriso e a tua força e isso vai fazer com que passe aqui pelo teu cantinho mais vezes <3

    Beijinhos*
    It's ok

  10. Responder

    Escrever Fotografar Sonhar

    Junho 17, 2017

    Todos os anos tenho conhecido pessoas maravilhosas no BC. É claro que por se eu uma pessoa um pouco tímida, acabo por não usufruir a 100% da experiência, mas ainda assim adoro. Este ano superou as expectativas, pela diversidade, pela criatividade, mas acima de tudo pela generosidade de cada partilha. Tu foste a confirmação do que eu já suspeitava, corajosa, brilhante, e genuína. Acho que nos vamos encontrar mais vezes por aí… bjs

LEAVE A COMMENT